Domingo, 26 de fevereiro de 2017 às 11:49 em Religião
EM MARÇO A IGREJA DO AMOR FARÁ UMA PROGRAMAÇÃO ESPECIAL EM HOMENAGEM AS TODAS AS MULHERES

 

 

Dia 8 de março é o resultado de varios fatos, lutas e reivindicações das mulheres nos EUA e Europa, por melhores condições de trabalho, direitos sociais e políticos, que começou por volta da metade do século XIX, e foi até as primeiras décadas do século XX. Em 8 de março de 1857, trabalhadores de uma indústria têxtil de Nova Iorque se juntaram e entraram em greve por melhores condições de trabalho e igualdades de direitos trabalhistas para as mulheres. Esse movimento foi reprimido com muita violência por parte da polícia, e em 8 de março de 1908, trabalhadoras do comércio de agulhas de Nova Iorque, foram as ruas e fizeram uma marcha para lembrar o movimento de 1857 e exigir o voto feminino e fim do trabalho infantil. Este movimento também foi reprimido pela polícia com bastante violência.

 

Em 25 de março de 1911, Aproximadamente 145 trabalhadores (em sua maioria mulheres), morreram queimados em um incêndio na fábrica de tecidos em Nova Iorque. Esse fato ocorreu devido as precárias condições de segurança no local. Devido a esse fato trágico, ocorreu várias mudanças nas leis trabalhistas e de segurança de trabalho, gerando melhores condições para os trabalhadores norte-americanos, o incêndio da Triangle Shirtwaist é, muitas vezes, associado à instituição do Dia Internacional da Mulher. realmente um ano antes da tragédia.

 

O Dia Internacional da Mulher já havia sido proposto em 1910 durante a II Conferência Internacional de Mulheres Socialistas, realizada em Copenhague, Dinamarca. Clara Zetkin, uma militante e intelectual alemã, apresentou uma resolução para que se criasse uma "jornada especial, uma comemoração anual de mulheres", mas somente no ano de 1975, durante o Ano Internacional da Mulher, que a ONU (Organização das Nações Unidas) oficializou dia "8 de Março" como Dia Internacional Da Mulher. Ao ser criada esta data, não se pretendia apenas comemorar. Na maioria dos países, realizam-se conferências, debates e reuniões cujo objetivo é discutir o papel da mulher na sociedade atual. O esforço é para tentar diminuir e quem sabe um dia terminar com o preconceito e a desvalorização da mulher. Mesmo com todos os avanços, elas ainda sofrem em muitos locais com salários baixos, violência masculina, jornada excessiva de trabalho e desvantagens na carreira profissional. Muito foi conquistado, mas muito ainda há para ser modificado nesta história.

 

Pensando nisso, a Igreja Do Amor resolveu fazer uma linda homenagem a todas as Mulheres, todas elas tem uma história, uma luta, uma vitória a contar, São mulheres lindas, que mesmo delicadas são fortes, todas merecem mais que um dia, serão 3 dias de muitas bençãos na "CONFERÊNCIA MULHERES QUE AMAM", que será realizado nos dias 6, 7 e 8 de Março com participação:     

 

                                                                                        

                                                                            

 

 Dia 6 - Pra. Talitha Pereira: Pastora da Igreja do Amor junto com o Pr Arthur Pereira, a 14 anos vem dedicando suas vidas para cumprir o chamado e a missão que Deus lhes deu. Esposa, Mãe de Multidões, Mulher de fé inabalavel, não permite que muralhas impeça de ser realizado aquilio que Deus quer para sua vida, "Sou apaixonada por vidas e minha maior missão é levá-las a conhecer o amor do Pai".

 

Dia 7 - Pra. Helena Tannure:  Se converteu ao evangelho em 1983 e, seis anos mais tarde, tornou-se membro da Igreja Batista da lagoinha, em Belo Horizonte/MG. Atuou por 13 anos como Backing Vocal do grupo Diante do Trono, onde juntamente com seu esposo, participou da criação do "Ministério Crianças Diante do Trono". Foi professora do CTMDT - Centro de Treinamento Ministerial Diante Do Trono - ensinando as disciplinas "O Coração do Artista" e "Arte na Adoração". Apresentadora de televisão, tem em seu currículo programas como "Diante do Trono", "Chá das Quatro", "Bate Papo" e "Clube700", programa evangelístico internacional que apresentou durante três anos como representante da língua portuguesa.

 

Dia 8 - Ana Nóbrega: É um dos expoentes da música gospel contemporânea. Tem viajado pelo Brasil e por Outras nações como Estados Unidos, Espanha, Guatemala, Inglaterra, Finlândia, França, Israel e Egito, levando sua voz grave, forte e marcante. Além de seu trabalho solo que leva um estilo Pop rock, mais congregacional como ela mesma define, Nóbrega é conhecida por ter feito parte da Banda Diante do Trono por cinco anos. Por onde passa tem levado a integridade de uma vida íntima com Deus e a alegria que somente quem conhece Jesus consegue transparecer. Ana Nóbrega já gravou com outros grandes nomes da música, como Adhemar de Campos, Ludmila Ferber e Trazendo a Arca. Ela e o esposo se mudaram para o Rio de Janeiro e seguem seu chamado pastoral na Igreja Apostólica Unidade em Cristo. "Sou cantora, mas, pastora é o que me define. Amo cuidar de vidas e compartilhar com elas as experiências que recebi nestes anos de ministério"

 

 

                                                                                                                    

   

 

 

A "Conferência Mulheres Que Amam" tem o apoio do Acaí Love.  Durante os três dias do evento, esse Point do Povo Cristão, vai estar sorteado na hora 02 "A Conexão" de 300ml cada dia. O Acaí Love fica lozalizado na Av. Colibri, nº 47, em Maranguape I, Paulista/PE com horario de funcionamento das 19:00 às 00:00. 

 

 

 

 

 

 

CONFERÊNCIA MULHERES QUE AMAM

 

     ENTRADA, TOTALMENTE GRATUITA.

 

 

 

 

 

 

 

Fonte: Gui Lira (Rádio do Amor)

Imagem: Minis. de Mídia (Igreja do Amor)

 

 

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!
PUBLICIDADE